aliger em AI

1 de outubro, 2019

A singularidade tecnológica na inteligência artificial

Enquanto a humanidade está à beira de uma revolução da informação acionada pela tecnologia, a escala, o escopo e a complexidade do impacto da evolução da inteligência nas máquinas é diferente de tudo o que já experimentamos antes. Nesse contexto, o termo "singularidade tecnológica" está sendo usado para descrever o mundo de amanhã.
Imagem de Gerd Altmann por Pixabay
Mas o que nos espera e qual será o impacto dessa singularidade na forma que vivemos? Neste post, explicamos o que é essa teoria e o que esperar para o futuro entre máquinas e homens.

O que é a singularidade tecnológica?

O termo singularidade descreve o momento em que uma civilização muda tanto que suas regras e tecnologias são incompreensíveis para as gerações anteriores. Pense nisso como um ponto sem retorno na história. Muitos pensadores acreditam que a singularidade será impulsionada por mudanças tecnológicas e científicas extremamente rápidas. Essas mudanças serão tão rápidas e profundas que todos os aspectos da nossa sociedade serão transformados, passando pelos nossos corpos, famílias e pelos nossos governos e economias. No caso da singularidade tecnológica, o termo se refere ao surgimento de máquinas superinteligentes com capacidades que não podem ser previstas pelos seres humanos. Essa teoria parece coisa de ficção científica, mas a velocidade crescente do poder da computação levou muitos especialistas a acreditar que acabará transformando a vida humana em algo que não seria reconhecido hoje. Segundo o escritor Vernor Vinge, que popularizou o termo, a singularidade pode ocorrer como resultado de Inteligência Artificial (IA), aprimoramento biológico humano ou interfaces entre cérebro e computador.

Quais tecnologias provavelmente causarão a singularidade?

Como mencionamos anteriormente, a Inteligência Artificial é a tecnologia que a maioria das pessoas acredita que dará início à singularidade tecnológica. Pensadores como Vinge e Ray Kurzweil acham que a IA dará início à singularidade por uma dupla razão. Primeiro, criar uma nova forma de vida inteligente mudará completamente nossa compreensão de nós mesmos como seres humanos. Segundo, a IA nos permitirá desenvolver novas tecnologias muito mais rapidamente do que poderíamos antes que nossa civilização se transformasse rapidamente. Um resultado da IA ​​é o desenvolvimento de robôs que podem trabalhar ao lado — e além — dos seres humanos. Outra tecnologia de singularidade são as máquina moleculares auto-replicantes, também chamados de nanobots autônomos. Basicamente, a ideia é que, se pudermos construir máquinas que manipulam a matéria no nível atômico, poderemos controlar nosso mundo da maneira mais granular que se possa imaginar. E se essas máquinas puderem funcionar por conta própria, quem sabe o que vai acontecer? E, finalmente, muito pensamento é dedicado à ideia de que a biologia sintética, a engenharia genética e outras ciências da vida acabarão nos dando o controle do genoma humano. Dois eventos que alterariam o mundo surgiriam disso:
  • Poderíamos criar novas formas de vida e mudar o curso da evolução humana em uma geração;
  • É provável que o controle sobre nossos genomas nos permita mexer com os mecanismos que nos fazem envelhecer, aumentando drasticamente nossa expectativa de vida.

Em que ponto estamos no caminho para a singularidade?

Vivemos em um mundo digitalizado. Quase todos os negócios importantes mudaram suas operações para meios digitais e os negócios que ainda não o fizeram serão inevitavelmente forçados a fazê-lo logo. Juntamente com os usuários que armazenam e deixam enormes quantidades de dados online, há uma abundância de dados rotulados a serem analisados. Esses dados são usados ​​para treinar programas para reconhecer cenários e melhorar em uma tarefa desejável. A questão em torno da singularidade tecnológica não é uma questão de "se", mas "quando". A maioria dos principais cientistas está dividida em quando a humanidade desbloqueará ela, mas eles não duvidam de que vamos alcançá-la — então aperte o cinto, pois ela está chegando no futuro próximo. E você, o que espera da singularidade tecnológica? Acha que estamos perto de alcançá-la? Comente abaixo e compartilhe suas ideias conosco e com nossos leitores!

Escrito por

Tags

Open chat