aliger em instagram

6 de junho, 2019

Blockchain e IoT na Cadeia de Suprimentos da Cultura do Café?

Cadeias de suprimentos ineficientes têm sido o grande desafio de empresas e produtores agrícolas. Nesse sentido, é preciso investir em inovações tecnológicas para tornar a cadeia logística mais eficiente e, assim, reduzir perdas. Neste artigo, destacamos duas tecnologias que são vitais na melhoria da cultura do café: Blockchain e Internet das Coisas (IoT).

Juntas, elas podem revolucionar a cadeia logística do setor cafeeiro que, na maioria dos casos, ainda utilizam ferramentas já ultrapassadas. Continue a leitura para entender mais!

Como Blockchain e IoT juntas podem otimizar a cultura do café?

Confira a seguir alguns exemplos de como essas duas tecnologias podem melhorar drasticamente a cadeia de suprimentos da cultura do café e de outros produtos agrícolas e resolver seus desafios mais urgentes.

Transparência total dentro da cadeia de suprimentos

Um dos pontos que mais incomoda as empresas agrícolas em suas cadeias de suprimentos é a falta de transparência. Na maioria das vezes, não é possível saber o status atual dos produtos que foram encomendados junto aos produtores de café.

O ensacamento foi finalizado? O produtor enviou o pedido no prazo? Haverá atraso? Para uma empresa, obter uma resposta precisa para esse tipo de pergunta não é fácil.

Mas, com a tecnologia Blockchain, todos os envolvidos na cadeia de suprimentos de cultura do café podem ter acesso a um banco de dados compartilhado. Nele, dados de localização, registros de data e hora e status de entrega podem ser acessados em tempo real.

Assim, as empresas podem ver exatamente quando um item foi despachado, quando a transportadora o recebeu e a previsão de entrega.

Informação de onde cada item está vindo

Na cultura do café, saber a origem dos grãos é extremamente importante. Isto pode ser um diferencial ou até mesmo uma exigência.

Vale lembrar que os clientes pagam um preço mais alto por produtos de alta qualidade ou ecologicamente sustentáveis. Mas, o que garante que eles estão realmente recebendo o item que estão pagando?

Dispositivos Blockchain e IoT combinados podem resolver este problema!

As aplicações IoT podem rastrear a localização do café, analisar cada grão quanto à sua qualidade e, em seguida, fazer o upload dos dados para a rede Blockchain, que as empresas e os clientes podem acessar.

Assim, a rastreabilidade do café é garantida, desde o agricultor até o supermercado. Dessa forma, o cliente fica mais seguro e satisfeito com o produto. Já as empresas podem ter certeza de que receberão o produto cultivado em fazendas que atendem a normas e padrões de qualidade desejados.

A Great Lakes Coffee, que produz e comercializa cafés, é um exemplo de empresa que usa essas tecnologias para rastrear os grãos e tornar o processo mais seguro. Por um QR Code, os clientes podem acessar todas as informações sobre a origem do produto e o caminho percorrido até chegar na loja.

Redução de intermediários

A maior característica do uso de dispositivos IoT é que ele fornece total transparência sobre como seus produtos estão se movendo pela cadeia de suprimentos. E graças a isso, as empresas podem ver exatamente quantos intermediários manipulam seus produtos.

Usando essas informações, é possível remover terceiros ou intermediários desnecessários dentro da cadeia de fornecimento, reduzindo, assim, os custos.

Redução de trabalhos manuais

Em uma rede Blockchain, você pode criar "contratos inteligentes". Estes são pequenos programas que permitem a uma parte criar certas condições ou objetivos que, quando cumpridas pela outra parte, liberam pagamento ou qualquer outra promessa garantida.

Por exemplo, uma empresa pode criar um contrato inteligente  que declara que quando um número X de café for entregue, Y Reais será liberado. Assim, quando a empresa confirmar o recebimento X, essas informações são carregadas na rede Blockchain pelo dispositivo IoT. Em seguida o contrato inteligente libera automaticamente o pagamento de Y reais.

Isso, além de reduzir os trabalhos manuais, ajuda as empresas a ter mais segurança em suas transações financeiras.

Encontre outras formas de melhorar a cadeia de suprimentos da cultura do café

Esses foram alguns exemplos de como Blockchain e IoT podem melhorar todos os processos na cadeia de suprimentos da cultura do café. Existem outras várias formas de como produtores e empresas agrícolas podem se beneficiar do uso dessas tecnologias.

Para saber como modernizar sua cadeia de suprimentos e melhorar a sua operação, conte com a ajuda de uma empresa de curadoria digital. Assim, você poderá desenvolver soluções que atendam as suas necessidades. Isso possibilitará a melhoria dos processos, eficiência logística, segurança, transparência e redução de custos.

Se você gostou deste conteúdo, também irá gostar de saber as vantagens do uso de sensores na agricultura de precisão. Boa leitura!

Escrito por

Tags

Open chat