aliger em AI

19 de abril, 2019

Sensores na prevenção de incêndios: quais suas aplicações?

Nos últimos anos, a tecnologia que utiliza sensores na prevenção de incêndios evolui consideravelmente. Esse dado é extremamente importante, visto que esse tipo de tragédia representa um grande risco à vida e também meio ambiente.

Os incêndios são uma das principais causas de desertificação em muitos países. Da mesma forma, esse tipo de incidente é o causador de muitas tragédias em edifícios e fábricas. Basta lembrar do acontecimento recente no Museu Nacional no Rio de Janeiro, que causou a perda de um patrimônio imensurável.

Continue a leitura para descobrir como utilizar sensores na prevenção de incêndios!

Uso de sensores na prevenção de incêndios florestais

Baixa umidade e temperaturas elevadas são dois fatores que, quando combinados, contribuem significativamente para o início e propagação de incêndios florestais. Esses e outros fatores de risco podem ser monitorados por meio de sensores inteligentes, o que ajuda a criar estratégias muito mais eficientes de prevenção. Mas, como funciona?

Os sensores IoT podem ser instalados em praticamente qualquer objeto imaginável. Através de uma malha de sensores fixos e sensores móveis (localizados em veículos, por exemplo), é possível construir uma cobertura completa de monitoramento do clima e dos dados atmosféricos de uma determinada região.

Esses dados são enviados para um software analítico baseado em nuvem, que efetua o processamento em tempo real. Com base em algoritmos inteligentes de previsão preditiva, os principais dados são transmitidos para um painel personalizável que pode acionar alertas quando ocorrem condições de incêndio altamente perigosas.

Desse modo, é possível manejar equipes ou dispositivos inteligentes, como drones, para combater focos de incêndio antes que eles se alastrem a causem destruição.

Sensores para detecção de incêndios florestais

Em áreas muito grandes pode ser difícil tomar atitudes preventivas. No entanto, com o uso de sensores essa é uma tarefa possível. É muito importante identificar os focos de incêndio o quanto antes para evitar que o fogo se propague e cause maiores tragédias. Nesse sentido, os sensores inteligentes são de extrema importância.

Eles são capazes de identificar a presença de CO e CO2 ou a elevação anormal de temperatura. O funcionamento é semelhante ao que acontece na prevenção de incêndios florestais. Os sensores IoT enviam os dados para um sistema de processamento em tempo real, que por sua vez emite alertas sempre que forem identificadas condições fora dos parâmetros normais.

A grande vantagem é que os sensores podem indicar a localização do início do incêndio, o que permite que as equipes de combate ao fogo sejam muito mais eficientes e controle o incidente ainda na sua fase inicial.

Uso de sensores na prevenção de incêndios urbanos

Da mesma forma que ocorre na prevenção de incêndios florestais, aqui, o uso de sensores de monitoramento de umidade e temperatura são muito importantes. Em edifícios e indústrias, esses dispositivos podem ser conectados aos sistemas de alarme e também ao de combate a incêndio, o que pode ser vital para salvar vidas.

Saber o local onde um incêndio está ocorrendo também é inestimável. Os sensores IoT podem confirmar isso com precisão, mostrando não apenas onde o incêndio começou, mas onde está se espalhando e com que rapidez.

Além disso, é possível integrar soluções de Inteligência Artificial (IA), que podem tornar os sistemas de prevenção mais seguros e eficientes na gestão de riscos de incêndio. Com a coleta de dados contínua dos dispositivos IoT e a utilização de sensores que se comunicam automaticamente é possível emitir alertas e mensagens indicando as condições da área monitorada, bem como o número de pessoas que estão no local. Já os dispositivos IA podem executar ações que minimizam o risco e combatem o incêndio.

Com isso, é possível visualizar soluções que integrem os sistemas das empresas com as equipes de brigadistas para garantir o máximo de segurança contra incêndios.

Agora, que você já sabe como é possível utilizar sensores na prevenção de incêndios, que tal conhecer 7 aplicações de sensores na IoT? Clique aqui e boa leitura!

Escrito por

Tags

Open chat