aliger em Editorial

16 de julho, 2019

O que a indústria 4.0 tem a ver com a minha empresa?

A Indústria 4.0 é o nome dado à nova era industrial, onde novas tecnologias possuem um papel essencial para o desenvolvimento e otimização dos processos de funcionamento das empresas.

Com presença já marcante em diversos setores da indústria como agricultura, energia e segurança, ela vem trazendo novidades e atualizações na forma como a produção é realizada. Mas o que isso tem a ver com a sua empresa?

Separamos abaixo alguns exemplos de como a Indústria 4.0 está sendo aplicada na prática, para que você não fique para trás e melhore seus resultados. Vamos lá?

Inteligência de mercado na Indústria 4.0

Um dos maiores impactos da Indústria 4.0 é disponibilizar inteligência em tempo real para empresas, com aplicações práticas. Ela fará com que empresas tomem decisões mais inteligentes e com mais eficiência, de forma automatizada. Fábricas, por exemplo, já são equipadas com sensores internos conectados à Internet das Coisas (IoT), fornecendo dados em tempo real sobre as condições do maquinário, o progresso da produção, a atividade do trabalhador e outras informações vitais. Essas informações podem ser inseridas em algoritmos de Inteligência Artificial para criar um sistema no qual essa análise ​​é utilizada para ajustar automaticamente os processos de produção para um desempenho mais eficiente.

Alteração nas necessidades de mão de obra

A automação da Indústria 4.0 mudará dramaticamente a natureza das necessidades de mão de obra exigidas pelas empresas. Entre inteligência artificial e robôs, muitas tarefas rotineiras baseadas em regras preestabelecidas serão executadas por máquinas. Nas duas décadas seguintes, metade dos empregos poderá ser automatizado. Trabalhos que envolvem procedimentos e tarefas de rotina, como entrada de dados, telemarketing e preparação de impostos, são a prioridade nessa lista. A Indústria 4.0 já possui presença em diversos setores. Embora isso elimine a necessidade de os empregadores preencherem certos tipos de posições rotineiras, também transferirá o trabalho para outras tarefas que exijam habilidades ditas mais humanas, como criatividade, inteligência emocional e capacidades pessoais. Dessa forma, os empregadores precisarão ajustar suas práticas de contratação para se concentrarem no preenchimento de diferentes tipos de funções dentro de suas empresas.

Aumento da personalização na produção

A Indústria 4.0 também mudará a maneira como as empresas interagem com os clientes, criando uma expectativa de maior personalização. As tecnologias como customização em massa, impressão em 3-D, realidade virtual e Internet das Coisas estão possibilitando que as empresas ofereçam aos clientes produtos e serviços muito mais alinhados aos seus desejos pessoais. A Nike, por exemplo, criou um formato de personalização em massa que permite aos seus clientes especificar alguns componentes dos calçados como o local do logotipo e as cores. Outras indústrias adotaram uma abordagem semelhante, variando de fabricantes de automóveis a fornecedores de cosméticos. À medida que mais empresas oferecem opções de personalização em massa, as expectativas do cliente aumentam, exigindo que as empresas que querem permanecer competitivas sigam o exemplo. Enquanto esta quarta etapa da Revolução Industrial avança, indústrias se tornarão mais automatizadas, mais eficientes e mais centradas no consumidor, aumentando a satisfação dos clientes e tornando a atividade de empreender mais fácil e produtiva. Inteligência de mercado na Indústria 4.0 E você, pronto para começar? Aproveite e conheça também como a Internet das Coisas poderá ser aplicada para melhorar os resultados na indústria!

Escrito por

Tags

Open chat